Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Versinho - Para um Amor Maduro.

Olhos azuis como a chama que queima,
Fogo escondido e reprimido mas muito presente.
Boca gostosa, provocante, pedinte, ardente.
Como mostram os lábios grandes, carnudos, sensuais.
Atitude arrogante, é orgulho provindo da teima,
Para encobrir o desejo, pouca atenção e gestos casuais.
 
Os cabelos brancos são a cinza dos anos,
Daquela fogueira, que continua  a queimar
Nem precisa de vento pra ser atiçada,
Ardendo nos seios, incomodando o pensar,
Presente nos sonhos, por debaixo dos panos,
Foge ao controle de quem ainda é amada.

É amada e sente isto, sente como nunca sentiu.
Mas isto a assusta, amor assim nunca viu.
Amor louco, devasso, amor e ainda paixão,
Amor puro e inocente dos que provocam lassidão.
Lassidão é entrega e entrega é sempre um perigo,
Mas que pode ela fazer? Este amor é muito antigo!
DDJOMMA
Enviado por DDJOMMA em 14/02/2007
Código do texto: T380513
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
DDJOMMA
São João de Meriti - Rio de Janeiro - Brasil, 65 anos
93 textos (5207 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 01/10/20 12:49)
DDJOMMA