Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mar de emoções

Mar de esquecimento
Ondas que bravejam
Nos meus pensamentos
Nas minhas emoções.

A aurora que resplandecia
No meu peito, se foi...
As folhas inquietas
Que farfalhavam ao nosso redor,
Despencaram dos galhos secos.

Mar de esquecimento
Ondas que bravejam
Nos meus pensamentos
Nas minhas emoções.

O brilho das estrelas
A luz do luar,
E que luar!
Ofuscaram-se na tua ausência
Só resta a escuridão,
Só resta a solidão,
Onde estar meu coração?

Ai que miserável coração!
Resolveu também partir?
Talvez tenha escutado o bravejar
Das ondas, a inquietude das folhas
Talvez tenha avistado uma luz resplandecente,
Que de teus olhos vias surgir.

Que luar!
Que farfalhar!
Que aurora!
Que emoção!
Poetabrasileiro
Enviado por Poetabrasileiro em 29/08/2012
Reeditado em 29/08/2012
Código do texto: T3854977
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Poetabrasileiro
Manaus - Amazonas - Brasil, 34 anos
36 textos (2735 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/05/21 11:49)
Poetabrasileiro