Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A mulher que amo...

Tarde de inverno, chuva fina...
Nas ruas vazias a paisagem ensina,
A vida urge, se faz presente
E por mais que pareça ausente
O Amor está no ar...
Amor, sentimento humano, fiel,
Às vezes desumano, cruel...

Estes instantes aqui em meio à rua
Trazem saudade por uma ausência, a sua...
A chuva fria faz mais ainda lembrá-la,
Porque você aquece, perfuma, exala...
Tua falta agora é tanta que me faz calar...
Somente meu dom de escrever
Consegue impedir de ser maior meu sofrer...

Onde estará você, princesa das mais belas?
Tenho te procurado nos sonhos, nas janelas,
Porém não te encontro mais...
Perdê-la é algo que peço a Deus jamais...
Verei de novo o amor em teu olhar?
Acredito nesse sonho do meu coração,
Duvidar disso eu afirmo: - Não!

Entenda, esteja onde você estiver,
Eu ali estarei contigo doce mulher...
Minha alma quer que seja assim,
Você significa muito, muito pra mim...
E sei que irás também me reencontrar...
Por isso nestas folhas de papel proclamo,
- Você é a mulher que eu amo...
Sandro La Luna
Enviado por Sandro La Luna em 25/02/2007
Código do texto: T392495


Comentários

Sobre o autor
Sandro La Luna
São Paulo - São Paulo - Brasil
866 textos (75903 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/20 23:28)
Sandro La Luna