Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OUTONAL

OUTONAL
Jorge Linhaça
 
Folhas precipitam-se ao solo
despe-se a árvore impudica
reveste-se de cores telúricas
fustigada aos ventos de Eólo
 
Parece a morte zombeteira
a campear entre os viventes
fazend'adormecer as sementes
como se fora a vez derradeira
 
Outonal estação dos sentidos
conspurcado coração silente
pelas dores jaz adormecido
 
Se compraz em ser indiferente
como fosse hoje proibido
o amar e sentir-se contente
Jorge Linhaça
Enviado por Jorge Linhaça em 04/03/2007
Código do texto: T400997
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Jorge Linhaça
Salvador - Bahia - Brasil, 59 anos
3725 textos (801134 leituras)
95 áudios (13594 audições)
1 e-livros (284 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/20 04:14)
Jorge Linhaça