Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESQUECER

Teria que te esquecer...  esquecer-te-ei...
Esquecer-te-ei na luz do sol que nasce com a aurora
Assim, ao despertar toda manhã e ver a luz do sol
Lembrar-me-ei ainda mais uma vez do brilho de teus olhos

Teria que te esquecer...  esquecer-te-ei...
Esquecer-te-ei dentro do prateado sorriso da lua
Assim, ao elevar meus olhos à escuridão e a lua me sorrir
Lembrar-me-ei ainda mais uma vez do carinho de teu sorriso

Teria que te esquecer...  Esquecer-te-ei...
Esquecer-te-ei nas chamas que em noites de inverno ardem na lareira
Assim, ao aconchegar-me junto ao calor das chamas em noites frias
Lembrar-me-ei ainda mais uma vez do calor de teus braços

Teria que te esquecer...  esquecer-te-ei...
Esquecer-te-ei dentro do perfume das flores de meu jardim
Assim, ao caminhar solitária por entre as flores e sentir o ar perfumado
Lembrar-me-ei ainda mais uma vez do perfume de teu corpo

Teria que te esquecer...  esquecer-te-ei...
Esquecer-te-ei no cantar matutino e sublime dos pássaros
Assim, ao amanhecer e ouvir o som de tão bela orquestra
Lembrar-me-ei ainda mais uma vez do doce som de tua voz

Teria que te esquecer...  esquecer-te-ei...
Esquecer-te-ei nas asas do vento que ruflam sem destino
Assim, ao sentir de súbito do vento a mais leve brisa
Lembrar-me-ei ainda mais uma vez da suave calidez de teu hálito

Teria que te esquecer...  esquecer-te-ei...
Esquecer-te-ei no sabor de um vasto campo de morangos
Assim, ao provar da vermelha polpa o gosto agridoce
Lembrar-me-ei ainda mais uma vez do sabor de teus lábios

Teria que te esquecer...  esquecer-te-ei...
Esquecer-te-ei no frêmito pulsar de meu coração
Assim, ao sentir de meu coração cada rítmica batida
Lembrar-me-ei ainda mais uma vez que estás dentro de mim

Teria que te esquecer...  esquecer-te-ei...

Quando não mais vir nascer a luz do sol...

Quando não mais vir sorrir para mim a lua...

Quando não mais sentir arder na lareira as chamas...

Quando não mais sentir o perfume das flores...

Quando não mais ouvir o canto dos pássaros...

Quando não mais sentir roçar em minha face o vento...

Quando não mais houver nos campos morangos...

Quando não mais sentir pulsar em meu peito o coração...
Erik McArthedain
Enviado por Erik McArthedain em 06/03/2007
Código do texto: T403098

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Erik McArthedain
Bariri - São Paulo - Brasil, 51 anos
103 textos (18944 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/20 03:52)
Erik McArthedain