Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Minha Cura

De que adianta os passos se sem você não sei caminhar
E que dos meus pés se façam armas pra te derrotar
Quero infernizar tua alma, nem a tua calma vai me suportar.

Nos teus sonhos serei o despertador
E, no calor das tuas cobertas serei a janela aberta a te perturbar.

Não me importa quanto tempo dure isso que chamo de penitência
Só quero que você cure os sintomas da minha doença.
Pois sei que é meu equilíbrio, meu ponto médio
Só você tem o remédio que pode me curar.

Então, sei que vai notar minha presença
E não mais ficarei quieto
“Na saúde ou na doença”
Serei Avô dos seus netos...

Angelo Moraes
Angelo Moraes
Enviado por Angelo Moraes em 08/03/2007
Código do texto: T405494

Comentários

Sobre o autor
Angelo Moraes
Serra - Espírito Santo - Brasil
20 textos (1294 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 12:33)
Angelo Moraes