Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESFALECIMENTO

Às vezes morro
olhando fixamente
as longínquas trilhas
onde não existem horas
de melancolia,

onde o verde das campinas
não é artificial
e os teus olhos não se perdem
entre luzes incandescentes.

Às vezes morro
e atendo ao chamado
da vida latente que existe
nos teus peitos de açucar.
PHYLOS
Enviado por PHYLOS em 18/08/2005
Código do texto: T43596


Comentários

Sobre o autor
PHYLOS
São Paulo - São Paulo - Brasil
49 textos (5811 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/07/20 08:26)
PHYLOS