Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

És meu e eu tua.

Iolanda Brazão

E assim chegastes.
Invadindo,
Devastando,
Rasgando,
Demarcando espaço.
No anseio de querer
Jogaste tuas cartas.
Confesso ao ver-te chegar
Tive medo.
Tentei fugir.
Mas ouvir a voz do teu coração,
Parei para observar atentamente.
Foi então que ouvi,
As, mas lindas palavras de amor!
Um pedido para ser amado.
Uma promessa de amor.
Meu Deus!
Custei acreditar...
Podia ouvir de tua boca,
As minhas próprias palavras.
Todos os meus desejos,
Ali agora, eu escutava, vindo de você!
Tudo era encantador...
Mas parecia um milagre.
A emoção tomou conta de mim.
Alegria e pranto misturavam-se,
E a certeza de tê-lo encontrado
Enchia-me de alegria.
Você tudo que  sonhei  ter...
Eu, a mulher escolhida por você.
Para receber teu amor,
Teus afagos, teus carinhos!
Não poderia fugir desta benção.
Então olhei para você e gritei:
Amo-te amor meu.
Porque sempre soube que ia encontra-te.
Serei tua para sempre, só tua.
E você meu só meu
Até o fim.
Iolanda Brazão
Enviado por Iolanda Brazão em 03/04/2007
Código do texto: T436274


Comentários

Sobre a autora
Iolanda Brazão
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
346 textos (33068 leituras)
3 áudios (634 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/04/21 15:22)
Iolanda Brazão