Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Equação

Equacionando o amor podemos dizer
Que é uma equação com uma incógnita
E mais duas variáveis
A incógnita é o próprio amor
E para decifrá-la somente a soma
Das variáveis é o caminho
Que nem sempre é seguido
E como numa prova de matemática
Peca-se por esquecer-se de um mínimo e simples sinal
Mas... Dane-se tal equação
Pois o amor não é nenhuma operação
Ele apenas é uma incógnita
E eu também não sou doutor em matemática.

Cícero – 02-11-94
Cícero Carlos Lopes
Enviado por Cícero Carlos Lopes em 03/10/2013
Código do texto: T4509207
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2013. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cícero Carlos Lopes
Ferraz de Vasconcelos - São Paulo - Brasil, 43 anos
374 textos (6613 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/19 02:31)
Cícero Carlos Lopes