Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

desconhecidos




Apenas uma noite,
E tudo aconteceu, não deveria.
Seria apenas, um encontro casual.
Em uma boate qualquer
Em algum canto da cidade,
Onde ninguém se conhecia.
Nos conhecemos...
Á noite e sua magia, fizeram a diferença.
Apenas dançamos, sem compromisso.
Brindamos a nos dois
E na magia do momento, nos beijamos.
E voamos na imaginação, quando acordamos.
Á noite, já chegava ao fim.
Era só eu e ela, naquela boate.
De repente aquela musica, chegou até nós.
Suavemente nos envolvendo.
Eu á tomei nos braços.
Voltamos a dançar, bem juntinhos.
Até que a musica acabou,
E o garçom veio avisar,
Que já era hora de fechar.
Saímos á rua, era quase dia.
A lua, já se despedia do Sol.
Nos separamos, com apenas um beijo.
Nada falamos, ela se foi.
Como uma desconhecida, eu a vi partir.
Eu não sabia seu nome
Tampouco ela sabia o meu, saber pra que.
Se éramos apenas, dois desconhecidos
 

                                                          Volnei R. Braga




Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 28/08/2005
Código do texto: T45846
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 73 anos
2317 textos (154923 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/07/20 22:45)
Volnei Rijo Braga