Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

REVIRAVOLTA

REVIRAVOLTA

Deixa-me rir
Deixa-me gargalhar
Estou me divertindo ao notar
Porque agora tu estás pagando
Tudo aquilo que me fizeste chorar...

Quero ver tuas lágrimas rolarem
Em espasmos do meu gargalhar
Encharcando tua alma e teu penar
Verás que me causaste muita dor
Sofri, chorei tanto teu desamor...

Um dia é da caça
O outro do caçador
Diz o povo mostrando a verdade da cor
Quem vive pregando peças sorrindo
Recebe de volta em dobro toda dor...

Vou fazer como aquela canção
Estou tirando meu sorriso do caminho
Para poderes passar com tua dor
Mas vou ficar de olho na emoção
Porque é doloroso e corroí e o coração...

No amor só existe uma imensidão
Para caber dentro toda paixão
Nada de humilhar e tapear
Quem te amava de montão
Como me fizeste chorar!...

Agora passou tudo no meu coração
Nada resta nem a mínima ilusão
Estou serena porque acordei
Daquilo que eu julgava crer
Ser a razão do meu viver...

Mas não quero ver tua caveira
Quero apenas rir do que me aprontaste
Com a indiferença do seu rude coração
Deixa pra lá, vai em frente esperar
Quem possa e queira te dar
O que tanto me fizeste chorar...

Nem adianta agora implorar
Nem vem de garfo que hoje é dia de sopa
Nem vem de escada que o incêndio é no porão
Vai baixar noutro canteiro, que o meu é emoção
Procura quem quiser pisar neste teu terreirão

Myriam Peres

http://www.myriamperes.mayte.us/versos/reviravolta.htm

Bjks cariocas...


Myriam Peres
Enviado por Myriam Peres em 02/05/2007
Código do texto: T471924

Comentários

Sobre a autora
Myriam Peres
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 89 anos
473 textos (60592 leituras)
5 e-livros (278 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/19 08:01)
Myriam Peres