Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

QUANDO, CÍRCULO VICIOSO

Quando eu canto, os males eu espanto, então eu danço!
Quando eu danço, na melodia me lanço, então eu rio!
Quando eu rio, o limite do corpo desafio, então eu canso!
Quando eu canso, necessito de descanso, então eu paro!
Quando eu paro, recomponho e me reparo, então escrevo!
Quando eu escrevo, na poesia me atrevo, então eu penso!
Quando eu penso, meu amor sendo imenso, então eu corro!
Quando eu corro, vou ao seu socorro, então alegre eu choro!
Quando eu choro, e se me demoro, então eu grito!
Quando eu grito, para não ficar aflito, então eu danço!
Quando eu danço, trago-a pro meu canto, então eu canto!
Quando eu canto, os males eu espanto, então eu danço!
Quando eu danço, me lanço no balanço, então avanço...
Quando eu avanço no círculo vicioso com ela, a paz eu alcanço!

Foz do Iguaçu, 05/06/2015
Publicado no www.nelmite.blogspot.com em 05/06/2015
Publicado no Recanto das Letras em 05/06/2015
http://www.recantodasletras.com.br/autores/noslen ariexiet
Outros autores também no Recanto com outros textos:
http://www.recantodasletras.com.br/autores/nelmite
http://www.recantodasletras.com.br/autores/gurosyte
Nelson Teixeira ou Noslen
Enviado por Nelson Teixeira ou Noslen em 05/06/2015
Código do texto: T5267049
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson Teixeira ou Noslen
Foz do Iguaçu - Paraná - Brasil
161 textos (18468 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/11/19 07:16)
Nelson Teixeira ou Noslen