Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO BRINQUE DE AMOR

Vive-se na incerteza,
de não saber o porquê.
Deixa-se de enxergar a beleza,
buscam-se outras formas de querer.

Quando se tem o que se pretende,
se esquece de priorizar.
É um jeito de não ficar dependente,
ou só vontade de brincar?

Não faça uma grande maldade,
numa conquista premeditada,
se não quer amar de verdade,
nunca a deixe esperançada.

De ti, a outra cria imagem,
que em vida vive a sonhar,
encontrado a sua metade,
para realizar o sonho de amar.

Negado... Vem o desespero!
Mais uma desilusão,
tirando de si o tempero,
chegando a exaustão

O tempo se torna ingrato,
a vida não é assim.
A receita de um ser sensato,
é Inicio, Meio e Fim.
Hique
Enviado por Hique em 11/07/2007
Reeditado em 08/09/2007
Código do texto: T560770
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Hique
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
246 textos (36781 leituras)
15 e-livros (3396 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/05/21 06:04)
Hique