Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMAR SEM APRISIONAR

Nesse momento o meu coração
Clama por esse amor
Na ausência, uma suave doce presença.
Numa canção que ninguém ouvirá
Entrego o que de melhor tenho em meu ser.
Um cego amor domina meu coração desolado
Dominante sede de viver se rende ao exagero do sentir.
Na incursão delirante de um pensamento insano
Do avesso que a vida tem
Quero exprimir o que sinto.
Bela imagem trago de uma visão alucinante.
Uma miragem constante pontua minha alma.
E nesse semblante deslumbrante de olhar penetrante
Perco-me nesse anseio e vejo em pensamentos!
Num choro contido preciso esquecer o que quero.
Resta a esperança de novamente reencontrar.
Numa renovação incessante,
Num movimento constante da certeza,
Nas lembranças de um lindo sonhar
Em algum lugar do futuro
Em terra distante quero lembrar...
           
     
Tuela Lima
Enviado por Tuela Lima em 16/07/2007
Reeditado em 16/07/2012
Código do texto: T566837
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Tuela Lima
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
298 textos (24362 leituras)
6 e-livros (583 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/05/21 05:14)
Tuela Lima

Site do Escritor