Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Do arbusto que brota a chave

Antes de sofrer essa dor amarela
Me jogo nos desfiladeiros amargos que o mundo me preparou
Nao sei se tudo que disse é uma verdade
Mas dela me enjoo
Porque dela abasteço o que espero
Por mais que tudo que disse se faça presente
A causa é forjada em facas que cortam janelas
Que nos joga o olhar pra longe
Por tudo que vi e sofri
Carrego a marca do que nao foi
Do que nao vi
Do que nao tive
Por isso estou aqui esperando
Que vc me mostre o arbusto que brota as chaves
Que de fora abra o bau que que desata o nós
Que existe nas madrugadas que me encontro
Assim o horizonde palido ganha uma cor
de mar egeu cheio de poderes da historia
ai eu riu uma felicidada que navega por todos os lugares
que o coracao chama de  casa
Ariano Monteiro
Enviado por Ariano Monteiro em 17/07/2007
Código do texto: T568494

Comentários

Sobre o autor
Ariano Monteiro
São Paulo - São Paulo - Brasil, 47 anos
1694 textos (21860 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/05/21 09:02)