Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

"E se ... ?"

“E SE...?”.

E se a luz que emana do teu olhar,
For mais intensa que mil sóis clareando o meu caminho?

E se a tua boca vermelha carmesim,
Humilhar as rubras rosas do meu jardim?

E se teus cabelos,
Como uma cascata de mil cores,
Cair suave como uma brisa
Sobre o meu rosto?

E se teu sorriso angelical,
For mais límpido e cristalino
Que gotas de orvalho acariciando
Na madrugada fria
Minha floresta tropical?

E se teu andar
Com passos certeiros
Numa estrada vicinal,
Me ensinar que o atalho
Pode ser o caminho real?

E se a profundidade dos teus mistérios
Você revelasse a mim,
Desvendando-me teus segredos
Como a seu travesseiro?

E se a tua pele alva,
Clara como um sentimento bom,
Como se possível fora;
Guardasse minhas digitais,
Marcas indeléveis
Eternizadas numa fração infinitesimal do tempo?

E se você deixasse eu te amar
Eu te amaria,
Eu iria
E não retornaria,
Viajaria até o fim sem medo,
Mergulharia o mais profundo
Que meu coração permitisse
Sem olhar limites.

E se você me amasse assim também,
E a mim se entregasse sem reservas,
Eu faria da sua vida um deserto,
Um infinito salpicado de oásis,
Ilhas de felicidade
A cada novo amanhecer.

Paulo Peter Poeta
Enviado por Paulo Peter Poeta em 03/09/2016
Código do texto: T5749454
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Paulo Peter Poeta
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
33 textos (1539 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/05/21 20:27)
Paulo Peter Poeta