Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

sou somente um bardo

sou somente um bardo,
órfão da perdida esperança
vagando pelas ruas
imundas de salvador,
descrente da própria andança.

sou somente um bardo
escrevendo a minha sorte
na pauta do improvável acaso,
em linhas tortas,
ausentes escolha e norte.

sou somente um bardo errante
sem parada, sem me comover,
leve como o vento que uiva.
mais do que os olhos enxergam
e palavras possam descrever.

Poema do livro Amores Possíveis
A venda em http://sergioprof.wordpress.com
Contato:
blog: http://sergioprof.wordpress.com/
facebook: https://www.facebook.com/jardimpoeta
https://www.facebook.com/poetajardim
twitter: http://twitter.com/SERGI0_ALMEIDA
linkedin: https://www.linkedin.com/in/poeta-jardim-a7b0222b
google +: https://plus.google.com/+sergioalmeidaJardim
skoob: http://www.skoob.com.br/autor/7181-jardim
Jardim (Sergio Almeida)
Enviado por Jardim (Sergio Almeida) em 11/02/2017
Código do texto: T5909215
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jardim (Sergio Almeida)
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
67 textos (307 leituras)
12 áudios (224 audições)
5 e-livros (34 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/19 02:25)
Jardim (Sergio Almeida)