Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Solidão

Estou vendo a chuva derramando suas águas
Impiedosas, gelada e transparente,
Águas que levam minhas mágoas,
Feridas, marcas contundentes.

Sinto falta de alguém,
Mas nem sei em quem pensar,
Estou sozinha, sem ninguém,
E vivo tentando encontrar.

Já tive amores, que me fizeram enlouquecer,
E também já tive amores, que me fizeram entristecer,
Por muitos tive desejo e fui amada,
Por outros amei e fui apenas desejada.

Por muitos, comprei brigas e defendi,
Por outros não me defendi e me feri,
Alguns tomaram conta do meu coração,
Outros foram apenas paixão.

Ah! Mas também tive amores que me fizeram feliz
Tanta felicidade que com medo a separação eu quis!
Engraçado, medo de ser feliz, acabei abrindo mão,
E hoje vejo que minha companheira é a solidão!

E agora nem saudades eu posso sentir,
Foram poucos que eu me envolvi,
Mas de cada um, algo eu guardei,
Emoções e sorrisos, sempre lembrarei.

Mas não importa o que eu sentia,
Pois de cada um eu aprendia,
Que vale a pena viver com intensidade,
Cada momento ficará guardado na eternidade.

Na verdade tudo se mistura em minha memória,
E um grande amor, procuro em minhas andanças,
Na minha busca, vou construindo minha história,
Acabar com minha solidão,ainda tenho esperanças!

Lamandarino
Enviado por Lamandarino em 02/09/2007
Reeditado em 02/09/2007
Código do texto: T635766
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autor(a): Luciana Mandarino). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lamandarino
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 47 anos
367 textos (24448 leituras)
1 áudios (13 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 03:21)
Lamandarino