Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor de uma Vida

Se em algum dia quiseres um beijo

Lembre que nunca precisaste pedir

Pois eu amante fui teu companheiro

Súdito, valoroso escravo

Caminhando em brasas levei desejos

Arisquei caricias e busquei o amor

Desvendei-me em teus preciosos sonhos

Loucos, eternos enlouquentes da vida

Sonhos com tanta sabedoria e plenitude

Que capazes são de encontrar a busca

Que buscam encontrar no belo amor grandiosa felicidade

E em que neste mesmo amor belo

Podem encontrar tão grande tristeza

Pois a ti eu amo e a mim não amas

Sendo assim choro na escuridão da noite

Me lamento no clarear do dia

Sofro sim, mas me conformo

E em mais uma noite espero caricias

Vou esperar a ti para todo o sempre

Pois mesmo não sendo minha

Eu tolo

Para todo sempre serei teu...
Douglas Hérico
Enviado por Douglas Hérico em 06/09/2007
Código do texto: T640811
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Douglas Hérico
Viçosa - Minas Gerais - Brasil, 30 anos
33 textos (2212 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 20:50)
Douglas Hérico