Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cega por ti!



Este misero engano,
Querer-te como alguém jamais sonhou!
Faz-me aquela que não tem norte,
Bendita seria a morte!
Se pelo menos tivesse momentos para recordar
Ou uma saudade para guardar.
Continuaria andar atrás de ti,
Mesmo que não me queiras, sou forte!
Sou a que chora,
Carregando minha pena e o mundo não vê.
Quantos sorrisos saem dos meus lábios
Com o amargo do sofrer!
Enquanto minha boca ardente,
Voluptuosa, espera por ti ansiosa.
Ainda tão pretensiosa!

E para os outros amores no meu caminho,
Não tenho olhos para ver. Cega por ti!
Nem piedade para mentir.
Deslumbrar-me pelo tanto que me querem
Não me traz a paz que só em teus braços irei sentir.
Mel L Frankust
Enviado por Mel L Frankust em 10/09/2007
Código do texto: T646663

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mel L Frankust
Goiânia - Goiás - Brasil
749 textos (34714 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 01:16)
Mel L Frankust