Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PARAÍSO

Os corpos juntos,
as idéias qual chama,
momentos fecundos,
no destino de quem ama.
Seguido do sonho,
que não vem com o sono,
mas com a aurora.
Um novo dia,
lá fora,
cá dentro um sofrimento,
pela distância, ausência,
imensa demora...
Mas há de haver a hora,
em que poderemos dormir na rede,
aplacar a nossa sede,
conversar até dormir,
o sono profundo
do porvir,
pois ao seu lado na cama,
é meu paraíso.
Por ele, lutarei cada segundo,
farei o que for preciso,
nem que vire do avesso o mundo.
Ocirema Solrac
Enviado por Ocirema Solrac em 12/09/2007
Código do texto: T649179

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ocirema Solrac
São Roque - São Paulo - Brasil
275 textos (89380 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 05:33)
Ocirema Solrac