Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

amor 57/Dos prazeres de amar

Meu cachorro latiu
Porque esta apaixonado
Pela cadela da vizinha
Agora estou sem prazer
Dos prazeres de amar
Uma mulher sem poder
Nossa relação é de coração
Posso querer uma pessoa
Que não tem uma porção
De carne para comer
Riso de outra coisa para ver
O cinema esta logo em frente
De um coração de nuas mulheres
Como posso chegar perto de você
Logo estou em apuros sem perceber
Afogar minhas lagrimas no sofá
Não tem razão porque você
Estou com outra de meu lado
Sempre diz que amei seu corpo
De outro modo como posso dizer
Se você é uma cobra de rua
Podendo me dizer que não tem
A solução de um amor perdido
De outra mulher sem igual
Riso para você minha amada
De outra encarnação de madrugada
Acordei com seus beijos
No meu polegar direito
Agora sei que você é louca
E destrói meu coração
Sempre sofrido por amor
De pouca razão para viver
Edilley Possente
Enviado por Edilley Possente em 16/09/2007
Reeditado em 17/09/2007
Código do texto: T654887
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Edilley Possente). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edilley Possente
São Paulo - São Paulo - Brasil, 52 anos
632 textos (25412 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/17 03:26)
Edilley Possente