Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
Almas Gêmeas Separadas

Não viestes
espontaneamente.
Eu chamei por ti
e viestes meiga... sorrindo delicada.
Ainda permaneces aqui.
Ficastes e nos teus braços e
em tua alma agasalhei-me...
Acolhestes a minha carência
e no teu mundo entrei...
Nos sonhos, na poesia,
no enternecer das melodias,
[como filho da lua],
foi o mundo em que sempre orbitei.
E como entrei no teu,
para o meu te chamei...
E nas confidências trocadas ,
entre queixas e risadas,
descobrimos tantas coisas em comum
que fazem-nos almas gêmeas
andando por estradas separadas!
Renato D Oliveira
Enviado por Renato D Oliveira em 22/09/2007
Reeditado em 12/11/2008
Código do texto: T663652
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Renato Dieckson). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre o autor
Renato D Oliveira
Gurupi - Tocantins - Brasil
2228 textos (188491 leituras)
2 áudios (432 audições)
2 e-livros (204 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 19:08)
Renato D Oliveira