Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Máquina Do Tempo

Escrevi muitos poemas para ti
Nenhum deles compreendeu
Interpretou errado e eu?
Sai como o culpado...

Peguei as palavras difíceis
Para falar algo tão fácil
Porém, deixei tudo tão claro
Tendo uma fácil compreensão.

Mas, sempre o errado sou
Estou sempre para baixo,
Dou-te mil beijos
Tantos chocolates
E você só de bico fechado.

O que estou fazendo?
Esta tudo tão errado assim?

Fiz de tudo para ti
Gastei meu precioso tempo
Uma baita de uma grana
Para fazer-te uma surpresa...

Recebo um sorriso amarelo e:
Vamos logo dormir, querido
Hoje não quero nada contigo!

(...)

Em seu celular ainda há
Suas lindas fotos com o ex
E quer que eu acredite
Que realmente o esqueceu?

Tento não me importar
Tento nem ligar,
Tanto que fiz para você
Uma Máquina Do Tempo!

Já que um dia falou
Que no tempo voltaria
Só para não namorar comigo.

.
.
.
https://www.instagram.com/gabrielpoeta667/
.
.
https://www.facebook.com/Poeta667/
Poeta Gabriel Augusto
Enviado por Poeta Gabriel Augusto em 11/09/2019
Código do texto: T6742238
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite meu nome (Gabriel Augusto), hashtag #PoetaGA e meu instagram: https://www.instagram.com/gabrielpoeta667/). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeta Gabriel Augusto
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 20 anos
77 textos (1365 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/19 10:57)
Poeta Gabriel Augusto