Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

OLHOS DE AMOR




Uma tristeza seqüestrou-me da alegria
Senti medo, minha alma tremia
Ante uma bandida tão cruel
Não quis assumir o papel
Que ela me designava

Recusei-me a sofrer deliberadamente
Porque de amor, meu coração tem semente

Percorri os caminhos do seqüestro
O com os olhos sempre abertos
Fui armazenando os bons momentos

A dor não influencia
Nem tão poucos vis tormentos

A guarda da minha felicidade
Fez cativa à carrasca mortal
E num golpe sensacional
Decretou a ela prisão perpétua

Assim a minha alma flutua
Colhendo sorrisos, cheirando a flor
Segue assim pertinho de tua
Observando-te com olhos de amor!

Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 05/11/2005
Código do texto: T67565


Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
11345 textos (954047 leituras)
16 áudios (8943 audições)
311 e-livros (34599 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/11/20 05:47)
Denise Severgnini