Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Doce Desassossego


Aquieta-se o Tempo
Na poeira adormecida
Nos cantos das molduras,
Na taça de cristal
À meia -luz
À espera do vinho,
Enquanto,
A Saudade disfarçada
Em insones poemas
Pincela em mim
Ponto e vírgula,
Em nuances dos teus beijos...
O Tempo aquieta-se
No silenciar das teias de aranha
Repletas de sonhos
Aconchegados
Ao antigo cavalete...
O Tempo aquieta-se
Em diáfanas reticências
Ao espiar meus versos
Ausentes de rimas -
Doce desassossego...

O Tempo dobra
Sem pressa
As manhãs chuvosas
Em tons de gris
Entre as folhas do bambuzal -
Bem - te - vi em silêncio

Admira-se o Tempo
Ao sentir
Na curvatura do sino
Sons da poesia sussurrada -
Carícias do vento...

Permanece o Tempo imerso
No pulsar das horas,
Inebriadas - equilibrando-se
Entre as cordas
Da  Lira de Quíron...






Vanice Zimerman IWA
Enviado por Vanice Zimerman IWA em 06/12/2019
Reeditado em 06/12/2019
Código do texto: T6812371
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre a autora
Vanice Zimerman IWA
Curitiba - Paraná - Brasil, 57 anos
4569 textos (126723 leituras)
58 áudios (2223 audições)
1 e-livros (44 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/01/20 02:48)
Vanice Zimerman IWA