Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um aventureiro nas incertezas do amor

Não te arrependas,
Amar nunca é demais,
E tu não ficarás sem amor jamais!

Louco Sonhador?
Não, um aventureiro nas incertezas do amor.

E quando a noite chegar de mansinho,
Invadindo teu quarto,
Deixe que ela encontre um sonhador,
E não um sofredor.
Ao gritar, tu deves fazê-lo na melodia do vento,
Que levará aos ouvidos da tua amada o teu intento.
Não um grito desesperado,
Pois ficarás mais fragilizado.

Ah! Essa dor do vazio,
Do silêncio,
Do lençol frio.
Dói muito, bem sei.
Mas tu deves fechar os olhos,
E sonhar como um louco.
Desvairadas  fantasias... Permita-te o gozo pelo menos um pouco!
Doce agonia ao aventurar-te no corpo da tua amada.
Tu verás que não é tão doloroso chegar no final da estrada.
Mel L Frankust
Enviado por Mel L Frankust em 05/10/2007
Reeditado em 05/10/2007
Código do texto: T682101

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mel L Frankust
Goiânia - Goiás - Brasil
749 textos (34714 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 23:59)
Mel L Frankust