Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BELEZA ÉS TU

                                                                                  Janjão
Beleza és tu, quando
Passeias pelos caminhos
Beleza és tu, quando
De tua boca
Soa uma voz
Delicada
Beleza és tu, quando
No afagar de teus
Cabelos salta os
Olhos dos que te
Amam
Beleza és tu
Que me faz perder
A noção de tempo
E espaço
Quando estou
Junto a ti
Beleza es tu
Que ao sonhar
Imagino nós dois
No jardim do Èdem
A trocar caricias e afetos
Beleza és tu que alegra
Os meu cotidiano
Que me faz acreditar
Na existência do DEUS
Do AMOR
Beleza és tu que
Com sensibilidade
E sensualidade
Transborda juventude
E otimismo
Beleza és tu que
Ao Amar cuida
Ao ser Amada
Permite a proteção
Beleza és tu pôr
Permitir que
Eu te AME

dialetico
Enviado por dialetico em 18/10/2007
Código do texto: T699145
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
dialetico
Limeira - São Paulo - Brasil, 55 anos
179 textos (9987 leituras)
8 áudios (326 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 11:25)
dialetico