Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENVELHECIMENTO

Eu sou um velho,
Que ao envelhecer soube
Contemplar o pôr-do-sol,
E respirar o ar puro das manhãs,
Ao delicioso despertar.

Eu sou um moço,
Que ainda não descobriu
Os seus valores e dons,
Esmera-se em dissabores
E em sonhos tão distantes.

Eu sou um alguém,
Que ao amar entregou-se,
Deixou-se levar pelos impulsos,
E enxergou o óbvio,
O mundo também envelheceu.

Eu sou um viajante,
Que perdeu sua nave,
Chegou atrasado em seu sonho,
Deixou-se conduzir serenamente,
Até ao apagar das luzes.

2.007
JOSE LINS
Enviado por JOSE LINS em 31/10/2007
Código do texto: T717661
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
JOSE LINS
Lins - São Paulo - Brasil, 65 anos
509 textos (39841 leituras)
26 áudios (2000 audições)
4 e-livros (123 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/02/21 08:30)
JOSE LINS