Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Velhas feridas de amor.



-Sentir,sofrer,viver
jamais deixar de amar.

a vida e simplesmente
uma faisca uma quimera

Aos olhos só restam amar
ao coração sentir.

Ao cego amar sem ver
somente em toques imaginar
com os olhos da escuridão.

 Viver sem as côres,os matizes
que as nuances proporcionam.

Resta ao passado, cravado no peito
com madeiras envelhecidas,sangrar.

 E no meio desta tempestade
somente um outro amor
para curar as velhas feridas.
demetrioluzartes
Enviado por demetrioluzartes em 12/11/2007
Reeditado em 12/11/2007
Código do texto: T733663

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (demetrio luzart). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
demetrioluzartes
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil
981 textos (36648 leituras)
12 áudios (774 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 17:27)
demetrioluzartes