Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Velho amor, amor velho

Nosso velho amor ficou velho
Bosta de escaravelho
Bexiga murcha, sem gás hélio
Espécie rara de climatério
Vasinho de cemitério

Nosso velho amor, velho ficou
Arroz doce... azedou
Ovo botado... gorou
Um queixo embasbacou
Osso poroso que luxou

Nosso velho amor, amor velho nosso
Barro idoso de fim de poço
Pus de espinha de moço
Pura pelanca de pescoço
Chupada a fruta... só caroço!



Gê Muniz
Enviado por Gê Muniz em 15/11/2007
Código do texto: T737813
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gê Muniz
Campinas - São Paulo - Brasil
1210 textos (34595 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 01:42)
Gê Muniz