Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TE AMO TANTO, QUE TE BEBI . . .






bebi
um último gole
de ternura;
te pensei
(eu te bebi),
deixando escorrer
pela boca
o mais amargo
do brinde: o sonho;
festejei tão-só
a louca lembrança
do melhor instante,
para não sorver
a amargura da saudade
em seu pior momento...



(Tadeu Paulo -- 2007-11-16)



Tadeu Paulo
Enviado por Tadeu Paulo em 16/11/2007
Reeditado em 27/12/2009
Código do texto: T739445

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Tadeu Paulo
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 74 anos
435 textos (47790 leituras)
2 e-livros (188 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 12:54)
Tadeu Paulo