Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O TEMPO

   
UM DIA NOS CONHECEMOS,
APAIXONADOS, DE AMOR FALAMOS,
E TANTAS NOITES NOS AMAMOS,
FOI TANTO AMOR, NÃO ENTENDI,
DE TANTO AMOR, EU TE PERDI,
PERDIDO, SEM VOCE, EU CHORO MUITO,
MAS OS ANOS SE PASSARAM,
TANTOS ERROS, PRATIQUEI,
TANTAS PEDRAS JÁ ROLARAM,
POR TÃO POUCO EU ME ENTREGUEI,
ME FERI AO TIRAR DA TERRA,
A ROSA, COM TODA VIOLENCIA
E PACIENCIA, A DOR , SUPOR,
CADA PÉTALA NO CHÃO, O AMOR,
SONHO PERDIDO, VOCE ENTÃO,
CRIEI NA NOITE PASSADA, UM POEMA LINDO,
MAS, SÓ SOBRARAM FOLHAS RASGADAS,
E DO POEMA, UM GRITO,
E NESTE GRITO, UM VAZIO, DIGO,
QUE COBRE LEMBRANÇAS DE UM DIA,
NO QUAL, EM SEGREDOS, PARTI,
MAS SE CHEGUEI ATÉ AQUI,
MESMO DEPOIS DE SESSENTA E SETE ANOS,
AINDA ESPERO VOCE PRA MIM.

POETASP
Enviado por POETASP em 22/11/2007
Código do texto: T747064

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
POETASP
São Paulo - São Paulo - Brasil, 51 anos
354 textos (17712 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 00:46)
POETASP