Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO COMPARES POR TUA BELEZA

Abertas janelas e vitrais
Azeitados os portões
Limpos e acesos castiçais
Sem poeira nos porões

Grama com zelo aparada
Asseado do chão ao teto
Varanda por vezes enxaguada
Aniquilado o mínimo inseto

Móveis brilham com a Lua
Cristais refletem até fumaça
Desinterditada a rua
Folhas varridas da praça

Corrimão polido reluz ouro
Tapetes muito escovados
Amaciado qualquer couro
Banheiros higienizados

Canos e calhas desentupidas
Todo o lixo incinerado
Cortinas corretas e nas medidas
Com forros bem costurados

Panelas super areadas
Armários hiper-organizados
Gavetas pré-arrumadas
Cômodos ultra-arejados

Flagrância suave de eucalipto
Pétalas claras de flores silvestres
Corredor esmerado, claro e bonito
Bem-passadas as vestes

Água saturada de puros sais
Felpudas e alvas toalhas macias
Bebidas de reservas especiais
Mesa repleta de iguarias

Meu corpo tenta com presteza
Tua vida açucarar
Mas não compares por tua beleza
As coisas nunca vão estar!
Gê Muniz
Enviado por Gê Muniz em 22/11/2007
Reeditado em 09/11/2008
Código do texto: T747953
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gê Muniz
Campinas - São Paulo - Brasil
1210 textos (34598 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 05:28)
Gê Muniz