Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORAÇÃO DE POETA

Segue teu caminho, vai !
Isto ! Grita, gesticula,
estrangula,
esta tua voz pequenina
que a mim anima.


Por todos caminhos
pelas ruas afora
te vejo agora.
Tenho inveja do teu jeito.
Acho bonito, ver cantarolares
canções pelos lugares.


Toda a primavera
é linda, perfumada.
Em todos terrenos desabrocham flores,
das diferentes espécies da natureza.


No coração do poeta
a primavera fica repleta
de flores e grama verde
por todos tempos.


Quando o poeta esta apaixonado,
a primavera fica mais linda
no seu coração,
os jardins fricam repletos
de rosais em flor.


Por este lazer
sinto teu prazer,
enquanto, passeava eu
embebido do nectar
dos meus sonhos,
entre os lugares mais lindos
que existem na minha terra.


Num belo dia
encontrei-te, ó amada !
A alegria do encontro
fez com que recordações
sensibiliza-se nossos corações.


Por fim, ficamos eu e tu,
lágrimas brotaram
de mim e de ti, criança ......
Por uma esperança.


Os dias se seguiram.
O coração estava ansioso
pra rever, tão bela flor de cactus
que mais tarde seria minha " Deusa ".
Ó angelical menina !


Até que resolvi visitá-la.
Ela estava passando
uma temporada na minha terra,
no meu peito,
na casa do meu amigo,
coração .......



Do Manuscrito: Rosas ..... Por quê Espinhos  ?
tabayara sol e sul
Enviado por tabayara sol e sul em 26/11/2007
Reeditado em 02/01/2009
Código do texto: T754153
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
tabayara sol e sul
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 70 anos
615 textos (123048 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 16:20)
tabayara sol e sul