Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Devaneio

O sol voltou a brilhar em minha vida.
Já não sinto tempo ou espaço.
Esqueci do meu cansaço.
E em teus braços querida. Preciso estar.
Sem pensar.
Apenas sonhando com a felicidade.
Que já estava perdida.
Por mim, num canto esquecida.
E agora pela eternidade.
Mesmo que dure um momento.
Quero ter meu pensamento.
Em nosso doce pecado.
Sou pecador.
E confesso.
Nesse meu humilde verso.
Que faço a brindar esse amor.
Se for pecado te amar.
E a você desejar.
A Deus já peço perdão.
Pois esse velho coração.
Não pediu e nem queria.
Mas se tenho a alegria.
De poder te sentir.
Quero a ele ouvir.
E viver intensamente.
Cada momento que o sonho.
Que agora eu componho.
Me permitir.
Não te quero, porque quero
E nem queria querer.
Esse querer tão sincero.
Nasceu sem eu mesmo saber.
Olhar-te assim distante.
E sem poder dizer nada.
Não poder ser seu amante.
E dividir a mesma estrada.
Esse amor sem sentido.
Esse viver na agonia
Odiar o seu marido.
É tudo o que eu não queria.
TadeuBarueri
Enviado por TadeuBarueri em 29/11/2007
Código do texto: T757336

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Tadeu-Barueri - http://recantodasletras.uol.com.br/autores/tadeubarueri). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
TadeuBarueri
Barueri - São Paulo - Brasil, 61 anos
97 textos (3187 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 03:48)
TadeuBarueri