Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Paixão

Paixão
Um fogo sem controle
Que queima arde no seu intimo
Lambe seu corpo languidamente
Domina a sua mente
Incendeia sua cabeça
Agita seus hormônios
Te enlouquece

Paixão
Ferida aberta escancarada
E cheia de pus
Ferida sangrenta e nojenta
Que te mata e seduz

Paixão
Veneno doce e agradável
De morte sutil ou abrupta
De cheiro sedoso
Doce cheiro de mulher

Paixão
Arrebenta grilhões
E prende ao mesmo tempo
È caça selvagem
Que dominada se amansa
E por fim virá amor
Que dura mesmo sem durar
Anjo Enfermeiro
Enviado por Anjo Enfermeiro em 30/11/2007
Código do texto: T759932
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Anjo Enfermeiro
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 35 anos
198 textos (6752 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 07:45)
Anjo Enfermeiro