Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BOTÃO DE ROSAS


Tal qual um botão de rosas
Que se abre à luz do sol
Vejo você
             Coração batendo

Sangue pulsando
    Corpo tremendo
Numa euforia
Que só os vendavais de verão
Possuem quando chegam

    Espalhando folhas
    Levantando poeira
    Refrescando do calor
             Que naquele dia o sol causou

Vou lentamente
Entrando em teus jardins
Desfolhando rosas, lírios e jasmins
Deixo intacto botões de rosa

Eles sim escondem o néctar
E na noite, tardiamente
Abrir pétala por pétala
Para em rosas novamente se transformar...
MÁRIO FEIJÓ
Enviado por MÁRIO FEIJÓ em 06/12/2007
Código do texto: T767381
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MÁRIO FEIJÓ
Capão da Canoa - Rio Grande do Sul - Brasil, 66 anos
4777 textos (298803 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 14:00)
MÁRIO FEIJÓ