Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Coração ou Razão?

O coração é mais sábio do que a razão...
A razão sem o coração... não tem emoção
O coração sem razão... é paixão!

O coração sabe mais...

O coração foge da razão
Usa o sentimento, sente aflição
Vive a paixão, tem comoção
O coração sonha realização

O coração fica disritmado
Quando sente o amado
O coração reclama... dói no peito
A saudade apossa... não tem jeito

O coração é sensível
Busca o impossível...
Bate asas... a voar
Querendo pouso pra amar!

O coração não tem olhos
Mas sensibilidade no sentir
O amor chega pelos atalhos
Sem ele não pode existir!

O coração sabe falar... palavras bonitas
Tem compreensão... não gritas
Faz o corpo andar com leveza
Transforma tudo em beleza...

Já a Razão...

Chega... sem perdão
Dita as regras com imposição
Com ela não tem exaltação!

A razão se acha poderosa
Sua cor não é rosa...
Gosta do preto no branco
É ou não é... proíbe todo franco!

A razão quer distância do coração
Ela não se deixa contaminar
Nada de sensação... não pode chorar
Chega como um Tenente
Cheia de corrente
E aprisiona a paixão!

Isso abala o coração...
O coração fica partido... ferido!
Tudo pra ele perde o sentido...
O amor é seu alvo... seu clarão!

Quando a razão vacilar
Ele estará a observar...
Vai com certeza neutralizar
Estará pronto pra agir...
Voltará a sorrir!

Quem é mais sábio...

O coração ou a Razão?

Responda... com ou sem emoção!
Nanci Cerqueira
Enviado por Nanci Cerqueira em 07/12/2007
Código do texto: T768002
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nanci Cerqueira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nanci Cerqueira
Salvador - Bahia - Brasil, 59 anos
595 textos (24642 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 21:00)
Nanci Cerqueira