Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PRANTO

Quando chega esta dor
Expulsar, exalar, fugir
E carpir

Esperando que elas levem
No frio molhado manto
As farpas que me ferem
E quero lavar com pranto

Caio e ergo os olhos acima
Onde estava eu?
Arrastava-me eu?
Quem sabe, merecida sina

Porque perdi o caminho
Mas sei onde está
Vai sobrando o carinho...
Estará alguém, lá?
PCS
Enviado por PCS em 07/12/2007
Código do texto: T769186

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
PCS
Portugal, 50 anos
30 textos (1229 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 19:13)
PCS