Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pessoa.

De sua libido quero depreciar-me
Deveras matar a minha insaciável sede
A secura dos humanos, que espante a loucura dos insanos
Nessa noite de verão, com céu estrelado
Uma areia me sacia, água de mar
Meu corpo doar.
Diogo Castro
Enviado por Diogo Castro em 27/12/2007
Código do texto: T793158


Comentários

Sobre o autor
Diogo Castro
Jacareí - São Paulo - Brasil, 32 anos
68 textos (2861 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/05/21 18:45)
Diogo Castro