Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Em busca do amor/ QUE UM DIA VIRÁ _ (Dueto poético)



No silêncio que inebria
OUÇO SUAVE MELODIA
Arregimento as quimeras
SONHOS DE OUTRAS PRIMAVERAS...
Viajo ao horizonte
NO SOL ATRÁS DO MONTE,
Procuro à visagem
PERDIDA NA PAISAGEM
De um ser que amo
POR QUEM CLAMO
E de repente se faz
(ROUBANDO MINHA PAZ)
Numa onda de mar
NAS ROCHAS A QUEBRAR
Ou sob a luz do luar
TÊNUE BRILHAR...
Murmurando uma canção
DANDO CALMA AO CORAÇÃO
Que me faça cantar
MELODIA DE NINAR...
Mas são escuras visões
DISTORCIDAS EMOÇÕES
Que me acompanham
E AO LADO ANDAM
Abraços, aventuras
RITMOS SEM DESENVOLTURAS
Na relva, na cama
ATOS DE QUEM AMA
Na grama, na lama!
INSISTE, TE CHAMA...
Não me leve a mal
(SEREI NORMAL?)
São seres disfarçados
TRISTES, DESOLADOS
Em faces cobertas
ATITUDES DESPERTADAS
Com fragrância de farsantes
ATOS INSTIGANTES...
Por vezes são anjos
SEM HARPAS.TOCAM BANJOS...
Quando agarro é mutante
FORMA DE AMOR DISTANTE
Murmurante e inquietante
FICO EXITANTE...
Cansativas imagens
DE OUTRAS PARAGENS
Em gotas preguiçosas
FALSA JOIAS PRECIOSAS
Calmaria belicosa
(OU GUERRA TEMEROSA)
Em galope trás o sonho
(POR VEZES BISONHO)
Entre molduras a escultura
(IMAGEM PURA)
Com sorriso estonteante
DE DEUSA CANTANTE
No vaivém do corpo
PERNA, BRAÇO, CARPO...
Ouço murmúrios
BARULHOS SUAVES DOS RIOS
Que diz que o amor
É PRIMO DA DOR
Chega sem avisar
E NO PEITO VAI SE INSTALAR...
Não adianta procurar
(VIVO PRA AMAR...)
Que o amor que busco,
PERDIDO NO LUSCO-FUSCO
Não vem... PENSANDO BEM...
UM DIA, VIRÁ!

Agostinho Costa
DENISE SEVERGNINI
Denise Severgnini
Enviado por Denise Severgnini em 01/12/2005
Código do texto: T79517


Comentários

Sobre a autora
Denise Severgnini
Novo Hamburgo - Rio Grande do Sul - Brasil, 60 anos
11345 textos (948969 leituras)
16 áudios (8938 audições)
311 e-livros (34536 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/02/20 01:30)
Denise Severgnini