Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BEIJA-FLÔR.

IGOR, VOCÊ É UM BEIJA-FLÔR RECÉM-NASCIDO.
UM DIA TODOS NÓS JÁ FOMOS.
SURGIU DE DENTRO DA FLÔR, JAQUELINE.
QUANDO QUER SE ALIMENTAR
DO NÉCTAR DA SUA FLÔR-MÃE...
CANTA!
E NOS ACORDA FAZENDO LEMBRARMO-NOS
DE QUANDO FOMOS UM PÁSSARO
QUE TAMBÉM NÃO TÍNHAMOS HORA PARA CANTAR
O MESMO CANTO
QUE AGORA, VOCÊ, CANTA.

COM QUAL FLÔR
VOCÊ VAI FAZER O SEU BEIJA-FLORZINHO?
SERÁ COM ROSA, MARIA, MARGARIDA, ANGÉLICA?...
NÃO É MOMENTO DE PENSAR NISSO.
O MOMENTO É CANTAR
PARA QUE SUA FLÔR-MÃE PRODUZA NÉCTAR
DO QUAL SE ALIMENTA.

QUANDO CRIANÇA VAI BRINCAR DE FAZER CASTELOS DE AREIA.
QUANDO ADOLESCENTE VAI SONHAR COM MOINHOS DE VENTO.
QUANDO HOMEM VAI BEIJAR TANTAS FLORES QUE PUDER
ATÉ SER ATINGIDO PELO CUPIDO.
E SE CASAR OU COM ROSA, MARIA, MARGARIDA, ANGÉLICA...
JUNTO COM SUA FLÔR-MULHR ESPERARÁ NOVE MESES
PARA OUVIR A MESMA CANÇÃO QUE UM DIA,
POR INÚMERAS VEZES, VOCÊ CANTOU,
COMO TODOS NÓS.
MAS, ENQUANTO NÃO CRESCER
VAI NOS FAZER LEMBRAR A TODO MOMENTO
DO TEMPO QUE FOMOS UM BEIJA-FLÔR RECÉM-NASCIDO.

DOMINGOS SAVIO
Enviado por DOMINGOS SAVIO em 04/09/2007
Código do texto: T637854
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
DOMINGOS SAVIO
Salvador - Bahia - Brasil
240 textos (7054 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 21:18)