Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A chance

  A chance

Poeta amador a algum tempo,
Porém inativo há primaveras
Pois chances de mostra-los não tinha
Meus devaneios sobre cada assunto, deveras.

Foi num dia de aula que descobri,
Alguém que poderia me incentivar
Hoje, estou aqui,
Escrevendo pra lhe enviar

Recanto das letras, Parabéns
Por sua iniciativa,
Já que até, poetas parados incentivas.

Parados digo eu, de utilizar seus talentos
Pois já que pensar, todos pensam
Porém só os poetas são capazes de mudarem até os ventos
Fagundes Filho
Enviado por Fagundes Filho em 20/09/2007
Código do texto: T660294

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fagundes Filho
Seridó - Paraíba - Brasil
1 textos (34 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/12/17 18:05)