Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Samanta

Meu coração admite
que entre a semente e a planta
cresce em mim sem limite
o que cultiva Samanta.
Nem o meu corpo nega,
do caule à chuva de flores,
cresce em mim sem pudores
o que Samanta rega.
Saulo Pessato
Enviado por Saulo Pessato em 03/05/2019
Código do texto: T6638001
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Comentários

Sobre o autor
Saulo Pessato
Campinas - São Paulo - Brasil
2837 textos (65699 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/01/20 23:41)
Saulo Pessato