Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amaldiçoada Beleza

dedicado á Evelin Rosário por seu aniversário

Posto que em outrora te via
Mas  desde agora já  encerras mais vida,
Guardando intacta essa sua  altiveza
Que em poucos seres se há esta delícia.
Já é de tempos que observo e digo
Só pelo mais leve intento de afago teu
De inteiro desfalece a alma dos homens
Sedentos desse sorriso que incandesce a aurora
Livrando suas vidas e afugentando seu breu.
Livrai-me te peço do mal ó meu Deus
Pois vejo que é benção cavalgando em maldição
Não há nada comparado ao céu que é te conhecer
Mas aos que isso fazem só é dado te amar mais então.
Por isso eu fujo, temendo o extermínio
Das demasias que causam tua majestade
Se isso não fizesse talvez fosse o fim
Dessa rica jóia que é nossa amizade.
Desejo a ti, o que todos desejam.
A eterna candura que jaz em teu ser,
E digo a todos que te almejam
Que façam-se dignos desse prazer.
Cayus Marcws pocotirios
Enviado por Cayus Marcws pocotirios em 15/10/2007
Código do texto: T695176

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e olink para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cayus Marcws pocotirios
Manaus - Amazonas - Brasil, 29 anos
48 textos (8165 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 00:12)
Cayus Marcws pocotirios