Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MÃE, SENHORA E MESTRA

A meditar,da vida,em pleno albor,
Eu logo vi que o mal é o desamor.
E a alma humana, luz, eterna chama
Bruxuleante,sente,mas não ama.

Aconcheguei-te a fronte e a tua destra
Me fez sentir, em ti, a grande Mestra
A me dizer que a vida é caminhar
Sempre buscando um novo dealbar.
E nessa busca de uma nova aurora,
Eu pude ver,que Mestra eras, Senhora,
A me lembrar que era meu destino
Ser,do Senhor, humilte peregrino.

E a caminhada nessa tal estrada,
Que a dor transforma e torna empoeirada,
Deste-me a mão, e vi que eras Luz,
Impulsionando os seres a jesus.
Agora eu sei: és Mãe,senhora e Mestra!

Ès luz  divina. ès glória que nos resta.
Canatando vou, por toda a eternidade,
A Deus pedindo paz e claridade.
Que a claridade venha,à alma humana
Roubar-lhe o gosto pela luta insana;
Que a paz universal, tão desejada,
Possa envolver-vos, breve, a caminhada.
Jaubert
Enviado por Jaubert em 11/04/2008
Código do texto: T940756

Comentários

Sobre o autor
Jaubert
São Paulo - São Paulo - Brasil, 64 anos
158 textos (6338 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/05/21 19:25)
Jaubert