Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Filosofando amor

Eu nem curtia aula de filosofia,
até que te conheci ...
foi quando os olhares se cruzaram
as aulas brotaram e de repente Aristóteles era tão interessante...
dai não deu pra segurar a emoção...
E entre olhares e sorrisos disfarçados
somos absorvidos por tal "loucura no amor" de um tal Friedrich Nietzsche
veio junto a primeira cartinha tímida onde eu me declarava,
" O amor não se define; sente-se." Sêneca
em troca recebi um sorriso, "a duvida que por sinal é o principio da sabedoria." Já dizia Aristóteles ... Será?
Foi filosofando que te conheci
Foi filosofando que fiz alguns versos
perdidos no tempo e nas minhas lembranças sombrias
onde camuflo paixão e atração por um fantasma que vaga
meus pensamentos diariamente... te desenhei da maneira mais
pura.
Continuo filosofando na frustrada tentativa de
lhe dizer através
desse versos que meus pensamentos
são pra ti
Por ti
Sinto que será
assim por
todo sempre
e sempre... <3
Como dizia Charles Bukowski "se eu ver vc de novo eu sempre vou levar vc dentro fora..."
Carla Adrielle
Enviado por Carla Adrielle em 26/01/2017
Código do texto: T5893621
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (www.depoisqueeumudei.blogspot.com.br). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carla Adrielle
São Paulo - São Paulo - Brasil, 30 anos
257 textos (15336 leituras)
1 e-livros (16 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/11/19 18:23)
Carla Adrielle