Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Grande Amigo Irmão

                                          (Valmir Leite, In Memoriam).

Amigo quando recordo do seu olhar,
Tão jubiloso e cheio de vida, meu coração fica
a chorar em lembrar, que tu não mais estares entre nós,
e, isso torna-se uma tortura constante. Porém sei que tua alma
com Deus ela está, dessa forma o meu coração volta a se acalmar.
Quando a noite chega, sempre te coloco nas intenções em,
Minhas orações.

Fico feliz quando me visitas em sonhos.
Feliz em poder ver teus olhos novamente que, aqui na terra,
Não mais os vejo.
Feliz em poder ouvir tua voz, aquele som suave, que neste mundo,
Não mais as escuto.
Fico feliz em poder te abraçar, o abraço que meu coração, meu carinho,
E meus braços, hoje estão carentes dele.
O momento triste chega, quando de me você vai se afastando, teu semblante
Vou perdendo de vista, aquele sonho estar a acabar. Acordo-me,
Abro os olhos, fisicamente não te vejo mais, não te sinto mais.

Todavia de tudo sempre irei me recordar e, tua face,
Em sonhos sempre poderei tocar!
Valmir! Não sei por que tivestes que partir tão cedo, tua
ausência me causa uma triste emoção diante de tua partida e,
Meu coração vive agora incompleto por a perda de um verdadeiro
e grande amigo irmão.

Tu foste sempre tão humilde e especial para todos aqui,
Neste lugar que chamamos de mundo, cheio de maldades.
Sei que Deus tem agora ao seu lado: mais um filhinho contemplando
suas características e os bens que fizestes neste mundo que viveu e,
Por algum motivo, pouco permaneceu.

Eu fui uma de suas missões que tinhas a cumprir.
Obrigado meu irmão por ter sido um grande amigo/irmão,
Teus cuidados, teus conselhos, tua alegria e otimismo
contagiante nunca esquecerei e, um dia poder
te ver isso sempre esperarei.

As palavras faltam-me para te explicar essa saudade imensa,
Essa angustia que me toma, em saber que, nada é como antes e,
Antes nada será como hoje, a tua essência ninguém roubará, em
nossa memoria sempre permanecerás. Tudo que tu eras continuará
sendo, sua personalidade ficará dentro de mim, em minha alma em,
meus pensamentos e em meu eu.

O vazio que tu nos deixaste é preenchido justamente,
pela tua alegria que nos transmitia


Adelaide Lima
Adelaide de Lima
Enviado por Adelaide de Lima em 02/01/2018
Reeditado em 11/04/2018
Código do texto: T6215165
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
Adelaide de Lima
Salitre - Ceará - Brasil, 23 anos
131 textos (4073 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/20 13:03)
Adelaide de Lima