Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As Colombinas

Lua cheia de fevereiro
Que ilumina o céu de carnaval
E as lágrimas que caem no meu rosto
São as cinzas da quarta-feira final
Mas antes do fim quero lançar perfume
Para tirar o carmim da boca das meninas
Porque eu sempre volto lá da boemia
Para os braços de quem me ama
E as colombinas da minha rua
Jogam confetes e serpentinas sobre mim
E não me canso de querer sempre mais
Mais do que a multidão comenta
E as colombinas da minha rua
Vão cantando versos de amor para mim
Paulo Antonio Barreto Junior
Enviado por Paulo Antonio Barreto Junior em 31/08/2007
Código do texto: T632055
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Paulo Antonio Barreto Junior
Salvador - Bahia - Brasil, 46 anos
417 textos (6232 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 09:50)